Sobre Nós

A REDINSPAL foi constituída e autorizada a exercer a sua atividade em 2001 e apresenta como objeto social “a inspeção a instalações e redes e ramais de gás;  inspeção a instalações e equipamentos de combustíveis;  inspeção de equipamentos sob pressão para ar comprimido; inspeção de equipamentos sob pressão transportáveis; inspeção de equipamentos sob pressão para combustíveis; inspeção de equipamentos sob pressão para vapor; inspeção de infraestruturas de telecomunicações; inspeção de comportamento térmico de edifícios; avaliação e certificação acústica; consultoria técnica, formação técnico-profissional; análises técnicas; realização de ensaios não destrutivos”.

Desde a sua génese, o projeto Redinspal resultou da vontade do seu sócio fundador – Jorge Simões – um profissional com uma vasta experiência acumulada na inspeção de redes de gás, em criar uma entidade de vanguarda nesta área, que se constitui, ainda hoje, como sócio gerente da empresa.

Procurando sempre alicerçar o seu posicionamento de mercado em argumentos de próatividade, de qualidade de oferta de valor e capacidade de definir soluções orientadas para a resolução dos problemas dos seus clientes, a Redinspal foi aproveitando todas as oportunidades de ampliar a sua oferta comercial:

  • Acreditada desde 2003, numa fase inicial a Redinspal dedicava-se exclusivamente à realização de inspeções e análise de projetos de instalações de gás
  • Em 2005 alargou o seu âmbito de atividade para inspeções a redes e ramais de gás
  • Um ano mais tarde, em 2006, passou a realizar também inspeções a equipamentos sob pressão de GPL (ESP de GPL)
  • A partir de Outubro de 2009 foi reconhecida pela DGEG como Entidade Inspetora de Combustíveis (EIC)
  • Em Dezembro de 2010 foi acreditada para a realização de inspeções e ensaios a recipientes sob pressão de ar comprimido (RAC)
  • Em Maio de 2012 foi acreditada para a realização de inspeções a equipamentos de transporte de mercadorias perigosas por estrada (ADR) e por caminho-de-ferro (RID) e atividades de
    inspeção e ensaios complementares aplicáveis aos equipamentos sob pressão transportáveis (TPED)
  • A partir de Agosto de 2013 a Redinspal faz parte dos organismos nacionais notificados pelo IMT à Comissão Europeia no âmbito TPED (NB 2496)
  • Ainda no ano de 2013 a Redinspal obteve o reconhecimento como EIG e EIC no arquipélago da Madeira e dos Açores.
  • Em Fevereiro de 2015 foi acreditada para a realização de inspeções a Geradores de Vapor e Grandes Recipientes para Granel (GRG)

Em Setembro de 2013, no âmbito de uma reformulação estrutural e de imagem da Redinspal, os sócios da empresa decidiram alterar a sua denominação social de Redinspal – Inspecção de Redes de Gás, Lda para Redinspal – Consultoria e Inspeções Técnicas, Lda, por forma a adequá-la à realidade empresarial e ao objeto social.

O ano de 2013 caracteriza-se pela aposta da Redinspal na internacionalização de serviços em Moçambique e Cabo Verde, com a criação das empresas: Redinspal Moçambique – Consultoria e Inspeções Técnicas, Lda e Redinspal Cabo Verde – Consultoria e Inspeções Técnicas, Lda. Também fazem parte da oferta comercial da Redinspal outros serviços (não incluídos no âmbito de acreditação do IPAC), nomeadamente: certificação Energética de Edifícios, certificação ambiental, ensaios não destrutivos, consultoria e fiscalização e análises e pareceres técnicos de todas as áreas acreditadas.

Não esquecendo o argumento “diferenciação do serviço”, a Redinspal orgulha-se de apresentar um Sistema Integrado de Inspeções totalmente informatizado que permite a validação digital, mediante aposição de Assinatura Eletrónica Qualificada, de todos os processos de inspeção, assegurando desta forma um serviço mais eficiente, com as seguintes vantagens/benefícios:

  • Rapidez na apresentação de resultados (preenchimento e visualização eletrónica do relatório da inspeção no local)
  • Garantir maior fiabilidade do processo (diminuição do número de intervenientes nos processos)
  • Redução/eliminação de papel
  • A confirmação da autenticidade de qualquer processo de certificação da Redinspal em formato papel

Consciente das necessidades dos seus clientes, o site da Redinspal permite-lhes, na “Área Reservada” (mediante introdução do “Nome do Utilizador” e “Palavra-passe”):

  • O acesso a todos os processos do cliente, validados eletronicamente
  • A disponibilização de um ficheiro em formato “pdf”, assinado eletronicamente (com possibilidade de download)
  • A visualização do agendamento previsto pela Redinspal para as suas inspeções periódicas
  • A disponibilização dos processos à respetiva Entidade Exploradora / Concessionária (serviço brevemente disponível)
  • Mediante solicitação do cliente, os relatórios são enviados por email. Para atestar a autenticidade do remetente, todos os emails da Redinspal possuem um certificado digital.

A Redinspal pretende alcançar o estatuto de Organismo de “Inspeções Verdes”.

 

O âmbito atual da sua acreditação abrange:

EQUIPAMENTOS PARA TRANSPORTE DE MERCADORIAS PERIGOSAS (ADR/RID)

  • Equipamentos para Transporte de Mercadorias Perigosas (Recipientes sob pressão, Aerossóis, Recipientes de baixa capacidade contendo gás (cartuchos de gás) e Cartuchos de pilhas de combustível contendo gás liquefeito inflamável; Grandes Recipientes para Granel (GRG), Cisternas, os veículos-bateria, os vagões bateria e os contentores de gás de elementos múltiplos (CGEM)): inspeções periódicas, intercalares e excecionais.

EQUIPAMENTOS SOB PRESSÃO (ESP)

  • Geradores de Vapor e equiparados: inspeções iniciais, periódicas e intercalares
  • Recipientes sob pressão de ar comprimido: Controlo do estado de conservação e aptidão do ESP, verificação dos órgãos de segurança e eventual recalculo; inspeções iniciais, intercalar e periódica.
  • Reservatórios de gases de petróleo liquefeitos: Controlo do estado de conservação e aptidão do ESP, verificação dos órgãos de segurança e eventual recalculo; inspeções iniciais, intercalar e periódica.

EQUIPAMENTOS SOB PRESSÃO TRANSPORTÁVEIS (ESPT)

  • Equipamentos sob pressão transportáveis para transporte de gases de classe 2 e de matérias perigosas constantes do anexo I do DL nº57/2011: inspeções periódicas, intercalares, verificações excecionais e reavaliação da conformidade.
  • Equipamentos sob pressão transportáveis para transporte de gases de classe 2 e de matérias perigosas constantes do anexo I do DL nº57/2011: inspeções periódicas, intercalares e verificações excecionais.

INSTALAÇÕES DE ARMAZENAGEM E POSTOS DE ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEIS DERIVADOS DE PETRÓLEO

  • Instalações de armazenamento de combustíveis líquidos: inspeções iniciais, periódicas, finais e Apreciação e emissão de pareceres técnicos sobre projetos das instalações;
  • Instalações de armazenamento de gases de petróleo liquefeitos (GPL): inspeções iniciais, periódicas, finais e Apreciação e emissão de pareceres técnicos sobre projetos das instalações;
  • Instalações de armazenamento de outros derivados do petróleo: inspeções iniciais, periódicas, finais e Apreciação e emissão de pareceres técnicos sobre projetos das instalações;
  • Instalações de postos de abastecimento de combustíveis líquidos e GPL: inspeções iniciais, periódicas, finais e apreciação e emissão de pareceres técnicos sobre projetos das instalações.
  • Parques de armazenagem de garrafas de GPL: inspeções iniciais, periódicas, finais e apreciação e emissão de pareceres técnicos sobre projetos das instalações;

REDES, RAMAIS E INSTALAÇÕES DE GÁS

  • Instalações de gás: apreciação de projetos;
  • Instalações de gás: inspeções iniciais, periódicas, extraordinárias e outras inspeções;
  • Equipamentos e outros sistemas de utilização de gases combustíveis em redes e ramais de distribuição e em instalações de gás: inspeções iniciais, periódicas, extraordinárias e outras inspeções;
  • Funcionamento dos aparelhos de gás, condições de ventilação, evacuação dos produtos de combustão: inspeções iniciais, periódicas, extraordinárias e outras inspeções;
  • Redes e ramais de distribuição: inspeções iniciais e periódicas;